Feira do livro do Colégio Miraflores: a palavra como herança

Outubro é o mês da festa da literatura no Colégio Miraflores (Rua Ministro Otávio Kelly, 474 – Icaraí, Niterói). A escola receberá a visita de autores premiados e contará até com eleição Saiba mais »

Aliança Francesa Niterói recebe a exposição “France eMotion – Le voyage animé”

A galeria da Aliança Francesa Niterói recebe a exposição “France eMotion – Le voyage animé”, até 24 de novembro. A mostra é uma experiência inédita entre a fotografia e a animação digital,  fazendo Saiba mais »

Cresce procura por intercâmbio com trabalho remunerado

               O intercâmbio é uma alternativa para muitos brasileiros que se sentem sem promessas para um futuro profissional estável no Brasil. Entre as principais motivações para Saiba mais »

 

Dividir um mesmo espaço pode baratear escritórios

Veículo: Extra Data: 19/07/2016 Página: Capa Editoria: Vida Ganha

2a

Bio Extratus lança linha de tratamento para força e crescimento dos cabelos

13507028_1170214013011055_6005615085195758277_n

A novidade é composta por pimenta, bioxyl e microqueratina vegetal

A Bio Extratus Cosméticos Naturais apresenta sua mais nova linha, Força com Pimenta, para tratamento intensivo de força e crescimento dos cabelos, devolvendo o brilho e a vitalidade dos fios enfraquecidos.

Sabe-se que há um equilíbrio natural entre o crescimento e a queda, porém alguns fatores podem afetar esse processo. Dentre eles,  hereditariedade; fadiga física e emocional; doenças e afecções da pele; deficiência nutricional e hormonal; danos físicos, como os do sol, secador e chapinha; excesso de química, como tintura e alisamento.

Com eficácia comprovada, por estudo feito pelo Instituto de Química da USP, a nova linha da Bio Extratus tem a tecnologia exclusiva bioxyl, que aumenta a densidade e o comprimento médio dos fios; pimenta, que ativa a circulação, nutrindo e fortalecendo os fios; e microqueratina vegetal, com ação nutritiva e restauradora dos danos mais profundos da fibra capilar.

Vale destacar que as propriedades da pimenta, presentes em todos os produtos da linha, não irritam o couro cabeludo.

Instituto Cultural Germânico inaugura nova sede na Tijuca

expo

O curso de idiomas tem também cinema, exposições e palestras

Em comemoração aos dez anos da filial no Rio de Janeiro, o Instituto Cultural Germânico (ICG) inaugura amplo espaço na Rua Campos Sales, 136, na Tijuca. A programação de inauguração da nova sede será gratuita e aberta também à comunidade. O evento acontece nos dias 29 e 30 de julho. Com um auditório e oito salas divididas entre três andares, a abertura da nova casa traz palestras, degustação de cervejas alemãs, exposição, cinema e aulas experimentais.

Entre as atrações da estreia do novo local está a exposição ‘Ortszeit – Local Time’, que apresenta 20 imagens em preto e branco do fotógrafo alemão Stefan Koppelkamm. Ele produziu fotos de cenas urbanas e representativas da Alemanha Oriental após a queda do muro de Berlim, em 1990 e 1992. Doze anos depois, voltou aos mesmos locais e os fotografou exatamente sob o mesmo ângulo. A mostra é do acervo do Goethe-Institut e já visitou outras cidades do Brasil e diversos países, como Portugal, Itália e Paraguai. A exposição pode ser visitada de 29 de julho a 27 de agosto, das 10h às 20h, de segunda a sexta-feira, e das 10h às 16h, aos sábados.

O brinde ao novo endereço será feito com cerveja germânicas, é o que promete o sommelier Leandro dos Santos, que já trabalhou em restaurantes de sucesso como Fasano Al Mare, Ráscal, Da Carmine e Sollar de Búzios. Ele conduzirá uma palestra que abordará temas como a história, a produção e os estilos diferenciados da bebida, na sexta, dia 29, às 19h30. Após o encontro, os participantes poderão degustar cervejas alemãs.

O evento contará, ainda, com três edições do KinoKlub, que são as tradicionais sessões de filmes com referência à cultura alemã. Na sexta-feira, dia 29, às 15h, o público poderá assistir ao longa ‘Vitus’ (2006), do diretor suíço Fredi Murer. O filme encanta por seguir a infância e adolescência de um pequeno gênio, que tem ouvido apurado de morcego e toca piano como um jovem Mozart. A comédia fica dramática quando o menino sofre um acidente que faz desaparecer o que havia de gênio nele. Já no sábado, dia 30, às 11h, o ICG exibe o filme ‘Almanya – Bem-vindo à Alemanha’ (2011), sobre a migração dos turcos para o país depois da II Guerra Mundial.  Dirigido por Yasemin Samdereli, cineasta alemã de origem turca, o filme ganhou o Prêmio do Cinema Alemão de melhor roteiro em 2011. E às 14h, ‘A Fita Branca’ (2010), filme premiado com Globo de Ouro de melhor filme em língua estrangeira em 2010, será exibido pelo ICG.

A comemoração inclui também duas aulas experimentais de alemão para iniciantes: uma na sexta-feira, dia 29, às 18h, e outra no sábado, dia 30, às 10h. “Todas as atividades são gratuitas e têm o objetivo de proporcionar uma viagem à cultura alemã”, destaca Ricardo Freitas, diretor do Instituto Cultural Germânico.

 

ICG, um sonho de beleza germânica

O ICG nasceu em Niterói, há 21 anos, como uma escola de idiomas. Tudo começou a partir do sonho do ex-comissário de bordo Ricardo Freitas, fundador e diretor do Instituto. Seu objetivo era disseminar no Estado do Rio de Janeiro a língua germânica, falada no mundo por aproximadamente 125 milhões de pessoas. A ideia deu tão certo que em 2006 o ICG ganhou uma filial no Rio de Janeiro. Atualmente, o Instituto conta com cerca de 500 alunos divididos em 60 turmas, que vão do módulo iniciante ao mais avançado.

O ICG oferece, ainda, aulas de português para estrangeiros, alemão para viagem e cursos preparatórios para exames de proficiência do idioma. Tem ainda uma midiateca-biblioteca provida de livros, filmes e áudio books para empréstimos. Há exibições mensais de filmes alemães seguidos de debates, chamadas de KinoKlub. Além do ensino do idioma alemão, o Instituto participa da vida dos estudantes exercitando o pensamento crítico dos alunos.

Para Ricardo Freitas, promover um intercâmbio entre o Brasil e países da língua alemã é outra preocupação dos professores. Ele acrescenta que “o Instituto Cultural Germânico é, acima de tudo, um espaço para as pessoas apaixonadas pelos países de língua alemã, com suas paisagens, culinária, filósofos, compositores e suas grandes obras e realizações para a humanidade. Oferecemos cursos regulares, semi-intensivos e intensivos e temos alunos dos 11 aos 70 anos de idade”.